Milho abre a quinta-feira em baixa em meio ao avanço do Coronavírus

A quinta-feira (26) começa com os preços internacionais do milho futuro desvalorizados na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registravam perdas entre 0,50 e 1,50 pontos por volta das 09h02 (horário de Brasília).

O vencimento maio/20 era cotado à US$ 3,47 com desvalorização de 1,50 pontos, o julho/20 valia US$ 3,52 com baixa de 0,75 pontos, o setembro/20 era negociado por US$ 3,58 com estabilidade e o dezembro/20 tinha valor de US$ 3,66 com queda de 0,50 pontos.

Segundo informações do site internacional Successful Farming, os grãos foram menores nas negociações da noite para o dia, já que alguns investidores venderam suas apostas de alta e registraram lucros em meio a preocupações contínuas sobre o avanço do COVID-19.

Cerca de 480.450 casos foram confirmados em todo o mundo e o número de mortos agora é de 21.570, segundo a Universidade Johns Hopkins. Apenas nos Estados Unidos, o número de casos está agora acima de 69.000 e o número de mortes é superior a 900, um aumento drástico de 55.225 casos e 700 mortes no dia anterior.

Notícias Agrícolas – 26/03/2020