Concluído plantio de milho em Mato Grosso; foco é no controle de pragas

O IMEA (Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária) informou que os produtores concluíram a semeadura de milho 2o19/20. “Os trabalhos a campo se encerraram de forma satisfatória. Apesar do leve atraso ocorrido em relação à safra passada (18/19), a semeadura ficou 0,14% à frente da média dos últimos cinco anos e mais de 90% das lavouras conseguiram ser semeadas dentro do período considerado ideal no Estado”. A previsão de área plantada no Estado é de 5,10 milhões de hectares e, se confirmado, será 4,9% maior que a safra anterior.

“Daqui em diante, o controle de pragas e doenças se intensifica nas lavouras do Estado e as atenções se voltam para o clima, dado que nos próximos 30 dias grande parte das lavouras irá definir parte do potencial produtivo. Assim, as estimativas para esse período, divulgadas pelo Sistema Tempocampo são positivas até o momento, sendo previstos acumulados acima dos 100 mm para a parte sul e mais de 200 mm ao norte do Estado. No entanto, acompanhar como será a distribuição desse volume no tempo e nas microrregiões será de fundamental importância”, apontam os analistas, no boletim semanal.

Só Notícias – 24/03/2020