Agricultores de MG se preparam para o plantio do milho de verão

Se o clima ajudar, a expectativa é que o estado se mantenha entre os principais produtores da primeira safra do grão.

Os agricultores de Minas Gerais se preparam para o plantio do milho de verão. Se o clima ajudar, a expectativa é que o estado se mantenha entre os principais produtores da primeira safra.

O produtor Daniel Tinoco, de Patos de Minas, no Alto Paranaíba, fechou a compra das sementes de milho para essa safra de verão. Ele vai cultivar 350 hectares – 100 hectares a mais que na safra do ano passado. Ele já fez as contas e acredita que o custo de produção deve aumentar entre 10% e 15%, em relação a última safra. Nas revendas de sementes, o movimento ainda não é o esperado, mas a expectativa é que agora em outubro esse cenário mude. “Principalmente com a sinalização do início da chuva”, diz o coordenador de vendas Otávio Figueiredo Josué.

Tradicionalmente em Minas Gerais o plantio do milho da primeira safra começa na segunda quinzena de outubro. Logo após as primeiras chuvas. No campo, a terra já está preparada para receber as sementes. A melhora no preço do grão no mercado é um fator que tem feito a diferença na hora de definir o tamanho da área a ser cultivada. Um exemplo é o produtor Cláudio Nasser. O primeiro planejamento era de redução da área do milho, mas refez as contas e decidiu manter os mesmos 500 hectares que cultivou no ano passado. Na última safra de verão Minas colheu mais de 5,7 milhões de toneladas de milho.

Fonte: Globo Rural